O Pai das Invenções


(Transcrito da seção Cartas, revista Veja 1581, Ano 32, nr 3, de 20/jan/99)

Bem que poderia existir teste de paternidade para invenções. Se assim
fosse, o padre gaúcho Landell de Moura talvez tivesse lugar na galeria 
dos inventores que mudaram a humanidade. 

Alguns leitores reclamaram sua ausência na edição especial
Milênio (23 de dezembro, página 96).

O Padre Landell, como gostava de ser chamado, é considerado por muitos 
brasileiros precursor do italiano Guglielmo Marconi na transmissão de 
sinais eletromagnéticos sem fio, princípio da radiodifusão.

De acordo com o pesquisador brasileiro Ernani Fornari, em 1893, dois 
anos antes da primeira experiência de Marconi, o padre cientista 
transmitia sinais de voz entre a Avenida Paulista e o Alto de Santana, 
em São Paulo, numa distância de 8 quilômetros. 

O transmissor de Marconi foi patenteado em 1896. O do Padre Landell, 
somente em 1901. Enquanto o italiano recebia louros pela invenção, o 
monsenhor chegou a ser descrito como bruxo e louco.